Buscando seu cartão...

Publicidade
Publicidade

O parking sensor (sensor de ré ou sensor de estacionamento, em português) vem sendo mais comuns entre os carros atuais. Como o próprio nome sugere, os sensores de ré auxiliam os motoristas na hora de efetuar a baliza. Por meio do sensor de ré é muito mais difícil de o veículo encostar-se a outro carro ou em uma parede, por exemplo, pois ele emite um sinal sonoro avisando o motorista a medida que ele se aproxima do objeto que está atrás. Até pouco tempo atrás esse dispositivo só era encontrado em modelos importados, mas o sensor de ré acabou se popularizando e hoje é possível instalar o equipamento em qualquer veículo atualmente é possível instalar o equipamento em qualquer automóvel. O surgimento dos sensores de estacionamento é resultado de uma constatação de seguradoras de acidentes. Muitos acidentes aconteciam, por exemplo, dentro da própria casa do condutor, tendo como vítimas principais as crianças.

Como funciona

O sensor de ré tem seu funcionamento baseado em ultrassom. O sensor emite uma frequência sonora muito alta que não é audível pelo ouvido humano. Esse sinal sonoro reflete-se no objeto mais próximo e retorna para o sensor. Essa “viagem” entre o som ir e voltar para o sensor de ré é que indica a distância em relação ao objeto. O sensor então detecta essa distância e avisa o motorista através de três estágios de bip qual a distância do veículo em relação ao objeto. Quanto menor o intervalo entre os bips, mais próximo o objeto está do carro. A maioria dos sensores funciona, em média, a partir de 150 centímetros de distância do objeto em relação ao veículo.

Modelos

Nos mais simples, o equipamento emite somente um aviso sonoro que, através da intensidade da repetição, avisa o motorista sobre a distância do objeto que está atrás de seu carro. Já nos modelos mais sofisticados pode ser incluído um display no painel que indique a distância do veículo em relação a esse objeto. Outros modelos contam também com câmera de vídeo para auxiliar o motorista. Marcas como a Mercedes-Benz, tem sensor de ré que dá as coordenadas para o motorista por voz. As marcas mais conhecidas de fabricantes do dispositivo são a Positron, Bosh, Zapos, Rexter e Sur – Vision

Publicidade
Publicidade

Segurança e preço

É claro que o sensor de ré é de extrema importância para evitar pequenos acidentes com a lataria do veículo e também sérios acidentes com crianças. Isso faz da segurança o principal motivo pelo qual o número de carros com o dispositivo vem crescendo cada vez mais nos últimos anos. E o preço também é um chamariz: o menor preço gira em torno dos R$ 60.

Sensor por magnetismo

A diferença básica entre o sensor de ré por ultrassom e o sensor por eletromagnetismo é que para a instalação do segundo, o para-choque do carro deve ser retirado por inteiro, sendo que a instalação deve ser feita diretamente na base do veículo com uma fita. Após isso o para-choque pode ser novamente colocado.eletromagnético o para-choque do veículo deverá ser retirado totalmente, fazendo assim a instalação ser diretamente na base do veículo por intermédio de uma fita, sendo que após essa aplicação o para-choque do veículo deverá ser recolocado. Este tipo de sensor pode ser instalado em qualquer tipo de para-choque, até nos de metal.